melhor-preco-de-venda

Saiba como calcular o melhor preço de venda para o seu produto

Uma das grandes dificuldades de muitos profissionais, sejam eles autônomos ou não, é sobre como calcular o preço de venda de seus produtos, levando em conta o custo de produção, mão de obra, valor das despesas e uma taxa de lucro

Definir esse valor corretamente é essencial para o crescimento de um negócio, evitando prejuízos e garantindo que o preço esteja de acordo com o mercado para aumentar competitividade.

Acompanhe em nosso post dicas importantes para saber como calcular um preço justo para seus produtos e se destacar no mercado.

 

Identifique suas despesas

Um dos primeiros passos sobre como calcular o preço de venda de seu produto é identificar todas as despesas.

Isso inclui as despesas fixas como salário de funcionários, gastos com infraestrutura (água, luz, aluguel, limpeza) e de serviços em geral que são demandados mensalmente.

Além disso, é preciso calcular o valor de investimentos a longo prazo, que estão relacionados à manutenção do local, de equipamentos e funcionários, por exemplo, que acontecem em um certo período de tempo.

 

Calcule o valor de produção

Após identificar as despesas, é preciso calcular o custo de produção de seus produtos, incluindo todos os gastos até que o produto chegue ao cliente.

Isso envolve o valor do material, mão de obra, embalagens e frete, por exemplo. Tudo que você gasta para produzir um número x de produtos deve ser incluído no valor de produção.

No caso de revendedores, é preciso calcular todo o valor que é gasto para adquirir os produtos e prepará-los para vender aos clientes.

 

Inclua o custo com taxas administrativas

Além das despesas fixas, investimentos e o valor de produção do produto, é muito importante colocar na conta as taxas administrativas.

Elas estão relacionadas a impostos que você deve pagar sobre os produtos, relacionados ao funcionamento da empresa, e principalmente, taxas de compras efetuadas no cartão

Defina o seu lucro

Após ter uma ideia do custo de produção de seus produtos e o valor que será gasto com suas despesas, é possível definir uma margem de lucro para sua empresa.

É esse valor que vai contribuir para o crescimento de sua empresa, o retorno sobre o seu investimento. Sendo assim, defina o lucro que você deseja ter em cima de cada produto.

Posicione o seu preço de acordo com o mercado

Após somar o custo de produção, despesas e a margem de lucro, você terá um preço final para seu produto.

Porém, nem sempre esse valor irá fazer com que sua empresa venda e tenha sucesso comercial.

É muito importante posicionar o preço de seus produtos de acordo com o mercado, fazendo pesquisas com concorrentes e entre os consumidores, para saber se esse é um valor aceitável.

Caso o seu valor de venda esteja abaixo do mercado e com uma margem de lucro boa, sua empresa terá uma vantagem competitiva.

Mas se o seu valor de venda estiver mais alto que os preços praticados por outras empresas, é necessário reduzir as despesas ou a margem de lucro para que você consiga vendê-los.

Precificar os produtos não é uma tarefa difícil, mas exige muita atenção dos profissionais, já que colocar o preço errado pode prejudicar o lucro e as vendas de uma empresa.

Por isso, esteja sempre atento às nossas dicas sobre como calcular o preço de venda de produtos e sobre as mudanças do mercado, já que elas também influenciam no valor de venda.

cta